Search

Login form

Parceiros

Main » 2013 » Setembro » 10 » O estado do Futebol Americano no Brasil
5:33 AM
O estado do Futebol Americano no Brasil
Nesta última quinta-feira o Futebol Americano voltou às telas das TVs de todo o Brasil. Atingimos, em 2013, a maioridade – vamos assim dizer – do esporte em nosso país. Se formos parar para pensar, enquanto a NFL continuar apenas na TV a cabo – e numa TV "semi”-aberta que é o Esporte Interativo – não deve haver crescimento muito superior ao que já vimos – exponencial. A progressão tende a deixar de ser geométrica para ser aritmética.

Quando poderemos testemunhar o crescimento do Futebol Americano de modo exponencial novamente, então? A resposta será dada ao final deste artigo. Não coloquemos o carro na frente dos bois.

A priori, basta sabermos que existem vários níveis de Futebol Americano no mundo. O interessante é justamente isso: o Futebol Americano apresenta vários tipos que agrada a diversos gostos. Como no poker, por exemplo. Existem vários tipos diferentes de se jogar poker, como o Omaha, o Texas Hold’em, enfim. Nos Estados Unidos, os três tipos de futebol americano são os seguintes:

NFL – a principal liga do mundo, como você já está careca de saber. Maiores salários, maiores audiências, totalmente profissional e com o nível técnico e de competividade (se formos englobar os 32 participantes) mais equivalente do globo.

NCAA – a "categoria de base” da NFL, à grosso modo. Com mais de 100 participantes em sua primeira divisão e extremamente descentralizada, o Futebol Americano Universitário vê atletas não profissionais (não podem receber salários) que jogam apenas por uma bolsa de estudo (apenas naquelas, haja vista que uma faculdade custa em média 50 mil dólares por ano nos EUA). Apresenta um futebol americano mais moleque em relação à NFL, com muitas trick plays e times bastante desequilibrados uns entre os outros.

High School – o Futebol Americano a nível de Ensino Médio nos Estados Unidos. Estados como Texas, Califórnia e Flórida possuem as escolas – e os recrutas à NCAA – mais fortes do país (haja vista que são os mais populosos.



A NFL parece ter atingido seu apogeu no Brasil. A próxima barreira a ser rompida, claro, é a TV Aberta – embora a Band já tenha transmitido um punhado de jogos no início da década de 90, com seu Show do Esporte. Contudo, não foi nada regular como vemos na ESPN e no Esporte Interativo atualmente. Na primeira rodada, por exemplo, serão seis jogos transmitidos pelos canais ESPN. O Esporte Interativo transmitirá 3 deles. Nunca na história da televisão brasileira houve tantos jogos transmitidos para o público.

E não é só. Na noite do último sábado o público brasileiro que tem ESPN + em sua casa pode assistir a partida – emocionante, aliás – entre Notre Dame Fighting Irish e Michigan Wolverines. A partida foi narrada e comentada em português – algo que não acontecia em 2012, somente com os chamados Bowls da NCAA. Com efeito, o College Football, aliás, parece estar em crescimento no Brasil. Isso se deve muito também ao fato dos canais ESPN transmitirem o Draft da NFL – composto majoritariamente por ex-jogadores da NCAA, que se formam em suas faculdades e rumam ao profissionalismo.

Ao início deste artigo perguntou-se: quando veremos outro crescimento exponencial do Futebol Americano no Brasil? A resposta é teoricamente simples. Atualmente a grande massa de torcedores tem entre 15 e 25 anos. Daqui 30 anos essa massa deve continuar a assistir e terá filhos adolescentes. Numa matemática simples, provavelmente dobraremos os fãs.

Fonte:
http://www.snapfutebolamericano.com/
Views: 273 | Added by: Leandro | Rating: 0.0/0
Total comments: 0
Nome *:
Email *:
Código *: